24 de Abril 2024 10:56
Segue-nos

O que procura?

SportMagazineSportMagazine
0

Pedro Sequeira

Ronda principal: impossível começar melhor
– crónica nº 4 do Europeu de Andebol 2024, por Pedro Sequeira

Pedro Sequeira, diretor da SportMagazine. Foto: Carlos Saraiva/SM

Ronda principal: impossível começar melhor
– crónica nº 4 do Europeu de Andebol 2024,
por Pedro Sequeira*

Já se sabia que nesta ronda principal que o grau de dificuldade ía aumentar. Estão aqui as 12 melhores seleções da Europa. Portugal iniciava a sua participação nesta ronda defrontando uma das candidatas ao título europeu, a Noruega.

Portugal tinha feito uma excelente primeira parte contra a Dinamarca no jogo anterior mas acabou por não aguentar o maior poderio do adversário. Contra a Noruega, sabíamos que poderia ser um jogo muito semelhante. Os primeiros minutos da 1ª parte mostraram algum equilíbrio, conseguindo a meio desta parte a Noruega chegar a 3 golos de vantagem. No entanto, nos últimos 15 minutos, Portugal melhorou bastante defensivamente, tornando-se mais agressivo na procura da bola, o que dificultou a construção ofensiva dos noruegueses, invertendo-se o resultado, com Portugal a vencer por 18-15 ao intervalo.

Muitos pensariam que poderíamos ter a repetição da 2ª parte contra a Dinamarca, mas a verdade é que Portugal manteve um controlo do jogo absolutamente irrepreensível, nunca deixando a Noruega sequer empatar. A 5 minutos do fim, Portugal acelerou o jogo defensiva e ofensivamente, para desespero dos noruegueses e, provavelmente, para surpresa de muitos dos que assistiam ao jogo no pavilhão ou pela televisão. Parecia que Portugal não tinha tido jogos antes nem uma viagem muito cansativa de quase 8 horas de comboio de Munique até Hamburgo no dia anterior. No final o 37-32 era um resultado mais do que justo pela incrível prestação de Portugal durante praticamente todo o jogo.

Hoje, depois da primeira ronda (onde não quis abordar o assunto), ficou provado, mais uma vez, a importância da prestação defensiva de Portugal, desde um sistema defensivo muito plástico, com uma prestação dos guarda-redes muito meritória. Ao fim de 4 jogos nada é fruto do acaso. Portugal está a defender muito bem, ao nível dos melhores (são poucas as seleções que observei que defendam melhor que nós). Espanha, com dois guarda-redes fabulosos, foi eliminada na primeira ronda. A Noruega, que também tem guarda-redes fantásticos há muitos anos (e que hoje estiveram bem), não conseguiu suster o nosso ataque. Isto para dizer que poucos (ou quase ninguém) têm falado do nosso Diogo e do nosso Gustavo (temos a dupla de guarda-redes mais jovem deste Europeu) mas a verdade é que têm dado muita confiança à nossa defesa. Neste jogo, mais uma vez, ajudaram muito a equipa nos momentos em que eram mais precisos. Ficou mais uma vez provado que no andebol fica-se mais perto do sucesso quando se defende bem. Portugal tem provado isso.

Tal como referi nas outras crónicas, o maior feito da nossa Seleção neste Europeu tem sido apresentar o empenho, a dedicação, a entrega, a capacidade de sofrimento, mas também a organização e a disciplina. Temos consciência que há 6/7 Seleções superiores à nossa, mas terão que lutar mais do que nós durante os 60 minutos para nos vencerem. Isso hoje ficou mais do que provado. Eslovénia, Suécia e Holanda certamente virão ainda mais preparadas para isso contra nós. Depois de amanhã há mais. Continuamos na luta, com a humildade do primeiro dia.

* Pedro Sequeira, diretor da SportMagazine, Professor Coordenador na Escola Superior de Ciências do Desporto de Rio Maior – Instituto Politécnico de Santarém, Presidente da Confederação de Treinadores de Portugal, Vice-presidente da Federação Portuguesa de Andebol e Presidente da Comissão de Métodos – Federação Europeia de Andebol, acompanhará através de crónicas exclusivas para a SportMagazine o Europeu de Andebol 2024.

Fique atento à próxima crónica na SportMagazine!

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Edição Atual

Artigos que poderá gostar

Andebol

Miguel Laranjeiro, candidato único à presidência da Federação de Andebol de Portugal (FAP), foi reeleito para o último mandato na liderança da entidade (o...

Andebol

França, Espanha e Polónia vão medir forças com Portugal no grupo C do Europeu de 2024 de andebol feminino, que vai ter lugar entre...

Agenda

O Pavilhão Municipal de São Pedro do Sul foi palco da final da Taça Federação feminina de andebol, que foi conquistada pelo Benfica que,...

Andebol

A seleção portuguesa feminina de andebol apurou-se, este domingo, para a fase final do Europeu de 2024, apesar de ter perdido, por 25-22, com...

©2022 - SportMagazine - Revista de Treino Desportivo.
Todos os direitos reservados. Quântica Editora - conteúdos especializados, Lda. Praça da Corujeira, 30 4300-144 Porto, Portugal.
Website desenvolvido por Renato Sousa.