4 de Fevereiro 2023 05:56
Segue-nos

O que procura?

SportMagazineSportMagazine

Futebol

Francisco Neto e o play off internacional: “O que vier, virá por bem”

Foto: Federação Portuguesa de Futebol

A Seleção Nacional de Futebol Feminino venceu, esta terça-feira, a Islândia, por 4-1. O jogo foi a contar para a qualificação do Campeonato do Mundo 2023, disputado entre os dias 20 de julho e 20 de agosto de 2023, na Nova Zelândia e na Austrália. Após passar a Bélgica por 2-1, a equipa lusa ultrapassou agora a Islândia.

A partir daqui, Portugal vai disputar um play off internacional, não se qualificando já de forma direta devido às vitórias da Suíça e da República da Irlanda. Os jogos do play off terão lugar entre os dias 18 e 23 de fevereiro, envolvendo ainda as seleções de Taiwan, Chile, Tailândia, Papua Nova Guiné, Paraguai, Haiti, Panamá, Camarões e Senegal.

No que ao jogo contra a Islândia diz respeito, os golos foram marcados por Carole Costa, Diana Silva, Tatiana Pinto e Kika Nazareth. No entanto, a vitória surgiu já no tempo de prolongamento. O selecionador nacional Francisco Neto analisa o encontro e afirma que “mesmo com algum domínio da nossa parte, não tomámos as melhores decisões e tivemos alguma dificuldade”.

“Fomos crescendo na segunda parte, mas, depois do golo (da Islândia], perdemo-nos um pouco e deixámo-nos ir nas transições. Mas equilibrámos, conseguimos estar melhor e, depois de estar em vantagem numérica, explorámos os espaços e conseguimos fazer quatro golos, o que não é fácil a este nível”, disse o técnico em declarações à Federação Portuguesa de Futebol.

Francisco Neto realça que a equipa foi crescendo na segunda parte, apesar da equipa, segundo o selecionador nacional, se ter perdido um pouco no jogo após o golo da Islândia. Em relação ao play off internacional, Francisco Neto afirma já estar a pensar no jogo a ser disputado, independentemente do adversário.

“O que paira na minha cabeça é preparar o jogo de fevereiro (do ‘play-off’). O que dependia de nós era ganhar e conseguimos. Agora, estamos focados nesse jogo de fevereiro. O que vier, virá por bem (…) Sabíamos que esta era uma possibilidade. Apurámos e somos a única equipa UEFA que tem essa hipótese, somos os únicos deste primeiro play off que estávamos no pote 2 e que qualificámos. A Suíça e a Irlanda do pote 1, apuraram. Por isso estou muito orgulhoso e agora é continuar a depender só de nós. Vamos às sortes agora em outubro e depois, em fevereiro é preparar a equipa para o que aí vem”, disse.

O sorteio para o play off internacional realiza-se na próxima sexta-feira e Portugal vai ocupar a posição A1, como cabeça de série do grupo A, visto que é a seleção com a melhor classificação no ranking entre as 10.

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado.

Artigos que poderá gostar

Outras Modalidades

O atleta olímpico Gustavo Ribeiro vai entrar em prova pelas 15h05 desta sexta-feira, no Campeonato do Mundo de Street de Skateboarding. O skater que,...

Futebol

O selecionador nacional de  futebol feminino, Francisco Neto, divulgou, esta quinta-feira, as convocadas para os encontros frente aos Camarões ou a Tailândia, no dia...

Judo

O último dia do IBSA Grand Prix Portugal 2023 aconteceu esta terça-feira, no Complexo Municipal dos Desportos da Cidade de Almada. O evento contou...

Outras Modalidades

A Taça do Mundo de Tiro decorreu no passado fim de semana, em Rabat, no Egito. Portugal regressou desta competição após a conquista de...

©2022 - SportMagazine - Revista de Treino Desportivo.
Todos os direitos reservados. Quântica Editora - conteúdos especializados, Lda. Praça da Corujeira, 30 4300-144 Porto, Portugal.
Website desenvolvido por Renato Sousa.