17 de Abril 2024 08:12
Segue-nos

O que procura?

SportMagazineSportMagazine
0

Futebol

Presidente da FPF no Dubai para assistir ao arranque de Portugal no Mundial de Futebol de Praia

Mário Narciso, selecionador nacional de futebol de praia. Foto: FPF

O presidente da Federação Portuguesa de Futebol (FPF), Fernando Gomes, já se encontra no Dubai, onde, de hoje a 25 de fevereiro, se disputa o Campeonato do Mundo de futebol de praia. “O líder federativo associa-se, assim, à Equipa das Quinas, no arranque do torneio mundial, assistindo, ao vivo, aos primeiros dois encontros dos internacionais portugueses nas areias dos Emirados”, revelou, hoje, a FPF.

A seleção lusa joga, esta sexta-feira, com o México, seguindo-se Brasil (18) e Omã (20). “Todos nós sabemos que a cara de quem ganha não é igual à de quem perde e eu quero andar com uma cara satisfeita, por isso tenho de ganhar. Embora não tenhamos abordado muito profundamente o nosso adversário, isso será cumprido a partir de hoje, mas já falamos por alto, já sabemos aquilo que vamos encontrar. Uma equipa forte fisicamente, que tecnicamente não é ótima, mas tem bons executantes. Será um osso duro de roer, mas que nós pensamos puder ultrapassar”, destacou, em declarações ao site oficial, o selecionador nacional, Mário Narciso, que, instado a comentar o grupo D em que Portugal está inserido, considerou-o «difícil».

“Temos aqui as melhores 16 equipas do mundo. Portanto, nada é fácil. Neste grupo calharam três das mais fortes, que são Portugal, Omã e Brasil. Qualquer um deles, na minha opinião, pode ser campeão do mundo», disse o selecionador luso.

 

Capitão Bruno Torres avesso a facilitismos

O capitão Bruno Torres avisa, desde já, para os “perigos” de se considerar o México mais “acessível” que os outros dois adversários do grupo.

“Temos de nos focar neste jogo, por ser o primeiro, por ser fundamental na nossa caminhada, sabendo que no campeonato do Mundo não existem equipas fáceis”, disse Bruno Torres, que olha para a prova mundial com “ambição e responsabilidade”.

Foto: FPF

“A perspetiva é sempre a mesma, a nossa história incute-nos uma responsabilidade tremenda, mas é algo que felizmente conseguimos lidar, porque sabemos basicamente só teremos de dar o nosso melhor dia após dia. É com enorme expectativa, alguma ansiedade obviamente, enorme esperança que iremos fazer um grande Campeonato do Mundo”, juntou.

 

Por: Pedro Silva
Fotos: FPF

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Edição Atual

Artigos que poderá gostar

Outras Modalidades

A seleção portuguesa de futebol de praia foi, esta quinta-feira, no Dubai, eliminada pela Bielorrússia, por 4-3, nos quartos-de-final do Mundial da modalidade. A...

Outras Modalidades

A seleção portuguesa de futebol de praia carimbou, esta terça-feira, a passagem aos quartos-de-final do Mundial, que decorre no Dubai, após bater, por 3-2,...

Outras Modalidades

Depois de golear o México (8-2) e de perder com o Brasil (3-2, no prolongamento), a seleção portuguesa de futebol de praia prepara a...

Outras Modalidades

A seleção lusa de futebol de praia venceu, esta terça-feira, o Egito, por três bolas a duas, naquele que foi o último jogo de...

©2022 - SportMagazine - Revista de Treino Desportivo.
Todos os direitos reservados. Quântica Editora - conteúdos especializados, Lda. Praça da Corujeira, 30 4300-144 Porto, Portugal.
Website desenvolvido por Renato Sousa.