20 de Maio 2022 01:40
Segue-nos

O que procura?

SportMagazineSportMagazine

Andebol

Portugal estreia-se no Europeu 2022 frente à Islândia: “Conhecemos muito bem a equipa”

Alexandre Cavalcanti, internacional português. Foto: Federação Portuguesa de Andebol

Chegou o dia. Após um longo e conturbado período de preparação, atrapalhado por vários casos de Covid-19 no grupo, a Seleção Nacional estreia-se esta sexta-feira, às 19h30, no Campeonato Europeu de Andebol. A equipa comandada por Paulo Pereira arranca a caminhada em busca da almejada participação no “Main Round” diante da congénere da Islândia, na Pick Arena de Szeged, na Hungria. Os jogadores mostraram estar bastante atentos ao que podem esperar do adversário.

Portugal está no Grupo B, onde também estão as seleções da Hungria e dos Países Baixos, adversários que serão defrontados nos dias 16 (às 17h00) e 18 (às 19h30), sempre no mesmo palco. Apenas os dois primeiros avançam para o “Main Round” – os dois últimos serão afastados da competição.

Sobre o primeiro adversário da equipa das Quinas, a Islândia, os Heróis do Mar têm um boas memórias, já que em três jogos venceram dois, perdendo apenas no jogo de qualificação que antecedeu o Campeonato do Mundo, por 32-23, na deslocação a Reykjavík.

Alexandre Cavalcanti, lateral esquerdo da Seleção, que atualmente joga pelo HBC Nantes, em França, destacou em entrevista à Federação Portuguesa de Andebol o poder ofensivo do adversário nórdico.

“Conhecemos muito bem esta equipa tal como eles nos conhecem a nós devido ao passado recente. Este país [Islândia] tem uma grande tradição no andebol e, tipicamente, boas prestações nas provas em que participam. São uma equipa muito forte e rápida ofensivamente, por isso, teremos que estar preparados para combater essa mais-valia; contam também com um treinador bastante experiente e com o capitão Aron Palmarsson que é uma peça fundamental no seu ataque”, avaliou Alexandre.

A Islândia conta com o regresso de Aron Pálmarsson, que esteve lesionado durante os últimos embates. Demonstrando conhecimento e preparo sobre o adversário, o central Miguel Martins [do FC Porto] analisou o peso que esse reforço trás aos rivais.

“Acho que o Aron Pálmarsson é uma referência da parte da Islândia mas, tal como já referi, eles têm outros jogadores com muita qualidade – o lateral direito, Magnússon, que joga no Magdeburgo e tem tido muito impacto na Liga Alemã, têm o central, Jónsson, que joga no Melsungen com o André Gomes que também tem tido muita importância, assim como, o Smárason, do Göppingen – portanto eles têm muitas referências. O Pálmarsson é sempre um jogador que se pode destacar mas também não nos podemos descuidar e temos que tomar atenção aos outros. Nos últimos três jogos ele não estava mas também quando falta uma referência os jogadores procuram mais o coletivo e às vezes até corre melhor. Da minha parte, vou tentar dar o meu melhor e ajudar a equipa no máximo que puder para podermos conseguir a vitória que é o mais importante. Temos que dar o nosso melhor e pensar em nós e fazer aquilo que é o nosso trabalho para tentar vencer o jogo.”

Por fim, Paulo Pereira, selecionador nacional, afirmou em entrevista publicada esta semana à SportMagazine, quais são os objetivo s dos Heróis do Mar na competição continental.

“O nosso objetivo principal é pensar também no Mundial. E ao pensar no Mundial, o nosso objetivo é passar ao “main round”. Tendo em conta que quem passa ao ‘main round’ evita o primeiro play-off a jogar em março e só joga em abril. É muito importante para esta Seleção e por aquilo que temos feito conseguirmos essa qualificação para o Mundial para termos cinco participações consecutivas em eventos de grande porte. Aquela Seleção, com a geração de ouro dos anos 2000, conseguiu ter cinco participações, mas numa delas fomos os organizadores. Se conseguirmos essa qualificação para o Mundial teremos cinco sem sermos organizadores. Significa mais um passo em frente. Vai ser uma luta terrível, mas vamos tentar vencer”, garantiu o treinador.

 

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado.

Artigos que poderá gostar

Outras Modalidades

A Seleção Nacional de squash feminino garantiu a subida à segunda divisão do Europeu durante o mês passado, após vencer a Eslovénia nas meias-finais,...

Outras Modalidades

Os Jogos Internacionais do Special Olympics Malta terminaram esta quarta-feira. A prova, que contou com mil participantes de 23 países diferentes, deu inicio na...

Atletismo

Portugal encerrou este domingo a sua participação nos Jogos Surdolímpicos, que decorreram em Caxias do Sul, no Brasil, entre os dias 1 e 15...

Andebol

A APD Porto conquistou, este sábado, a Taça de Portugal em andebol de Cadeira de Rodas, na categoria ACR6. A equipa da cidade invicta,...

@2021 - SportMagazine - Revista de Treino Desportivo.
Todos os direitos reservados. Quântica Editora - conteúdos especializados, Lda. Praça da Corujeira, 30 4300-144 Porto, Portugal.
Website desenvolvido por Renato Sousa.