30 de Junho 2022 05:54
Segue-nos

O que procura?

SportMagazineSportMagazine

Andebol

Chema Rodriguez e Paulo Moreno anteveem a final four da EHF European League: “Percebi que nem sempre os favoritos ganham”Exclusivo 

Foto: SL Benfica

A final four da EHF European League começa no próximo fim de semana, no Altice Arena, em Lisboa. O SL Benfica, equipa portuguesa em prova, junta-se a Wisla Plock, equipa polaca e primeiro adversário dos portugueses, ao Magdeburg, primeiro classificado do campeonato alemão, e ao Nexe, uma das principais equipas do campeonato croata. A final four começa pelas 15h00 de sábado, com o encontro entre Magdeburg e Nexe, e segue-se com o embate entre o SL Benfica e o Wisla Plock, pelas 17h30.

Chema Rodriguez, treinador do SL Benfica, e Paulo Moreno, capitão de equipa, falaram com a SportMagazine sobre a competição. Ambos afirmam estar bastante orgulhosos com a qualificação da equipa para a final four. No entanto, não querem ficar por aqui.

“Estou extremamente orgulhoso, sabemos bem a realidade que isso acarreta. O andebol em Portugal tem crescido muito: clubes, Seleção. E sabemos que a nossa qualidade tem vindo a aumentar. É um feito histórico, principalmente para nós, Benfica, que nunca tinha acontecido estar neste momento. Passar à fase de grupos já foi histórico, fomos de eliminatória a eliminatória, chegámos à final four, mas queremos mais”, disse Paulo Moreno.

Chema Rodriguez admite uma certa pressão por jogar em casa para os jogadores mais jovens. Contudo, mostra-se contente por jogar perto dos adeptos portugueses e benfiquistas, destacando o apoio que têm recebido ao longo da época.

No que ao jogo em si diz respeito, tanto Chema como Paulo Moreno falam das possíveis dificuldades que o Benfica pode ter, mas não entregam favoritismos a qualquer equipa, pois “é um fim de semana e quem estiver melhor a níveis físicos e mentais é quem vai vencer”, disse o capitão das águias.

“Sim, o Wisla Plock é uma equipa muito complicada para nós, tem um treinador excelente. Vai-nos causar muitas dificuldades. Têm uma equipa com muitos jogadores habituados a este tipo de jogos. Mas toda a experiência que ganhei, principalmente enquanto jogador, diz-me que numa final four, toda a experiência e tudo o que deves fazer nesse momento resume-se a um fim de semana. Se neste momento estás bem, seja a final four da Champions, da Europa League, vais sair-te bem. Percebi que nem sempre os favoritos ganham. Aqui os favoritos podem ser o Wisla Plock e o Magdeburg, mas nem sempre ganham os favoritos”, reforça o técnico do SL Benfica.

Para além da motivação que têm para refazer história, a qualificação para esta final four deu uma motivação extra para o que resta da época a nível nacional. Recorde-se que o SL Benfica se encontra em segundo lugar, à condição, do campeonato Andebol1 e nas meias-finais da Taça de Portugal, onde vai defrontar o Sporting CP, no dia 11 de junho.

“Claro que sim. Apesar de serem competições distintas. Temos de ligar e desligar constantemente o chip. São competições com diferentes estruturas, diferentes pontuações, e claro que nós temos de estar mais habituados a essa alteração. Mas claro que trabalhar sobre vitorias é muito bom. Esta fase do ano é boa, mas muito exigente”, afirmou Paulo Moreno.

Foto: SL Benfica

O capitão da equipa do SL Benfica apelou ainda à presença dos adeptos, quer sejam benfiquistas, quer não sejam. Paulo Moreno acabou por falar também para os benfiquistas, pedindo o apoio de todos e prometendo dar tudo em campo para fazer história no clube da Luz.

“Venham aproveitar o espetáculo que é o andebol, vão ver quatro jogos brilhantes, grandes jogadores, grandes treinadores, grandes protagonistas que vão dar espetáculo com toda a certeza. Agora para os benfiquistas, que sou benfiquista e jogo no Benfica, venham cá apoiar, encham o Altice Arena, façam o inferno da luz, porque com o vosso apoio ficamos mais perto de conseguir o troféu e vamos dar tudo para o trazer para o Benfica”, pediu Paulo Moreno.

Recorde-se que da última vez que Portugal organizou uma competição tão prestigiada ligada ao andebol foi em 2003, em que o país foi o responsável pela organização do mundial da modalidade. Passados 19 anos, uma grande competição europeia de andebol volta a Portugal.

 

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado.

Artigos que poderá gostar

Andebol

A Federação de Andebol de Portugal (FAP) confirmou esta terça-feira os preletores para a 19.ª edição do Congresso Técnico Científico de Andebol. Entre os...

Andebol

Questões de saúde afastaram fisicamente Fátima Monge da Silva da escola e dos treinos de andebol, mas não apagaram de dentro de si paixão...

Andebol

O andebol vai sofrer alterações para a próxima época de 2022/23. Algumas delas, por enquanto, apenas facultativas. Estas alterações de regras foram propostas por...

Andebol

Capitã da Seleção Nacional com mais de uma centena de internacionalizações, a pivô Bebiana Sabino conhece como poucas a realidade do andebol nacional. Com...

©2022 - SportMagazine - Revista de Treino Desportivo.
Todos os direitos reservados. Quântica Editora - conteúdos especializados, Lda. Praça da Corujeira, 30 4300-144 Porto, Portugal.
Website desenvolvido por Renato Sousa.