4 de Fevereiro 2023 15:58
Segue-nos

O que procura?

SportMagazineSportMagazine

Voleibol

Após vencer a Islândia, João José volta as atenções a Montenegro e observa: “Não dão margem para grandes erros…”

Foto: Federação Portuguesa de Voleibol

A Seleção Nacional de Seniores Masculinos estreou-se bem esta quarta-feira no primeiro de qualificação para o Campeonato da Europa de 2023. A vitória diante da Islândia, por 3-0 (25-14, 25-16 e 25-10), garantiu o bom arranque à equipa comandada por João José na Pool D. Apesar do bom jogo no Pavilhão Desportivo Municipal da Póvoa de Varzim, o treinador português não espera que Portugal encontre facilidade no decorrer da competição.

Afinal, o próximo adversário da Seleção Nacional será Montenegro, que superou com alguma facilidade a Luxemburgo (3-0: 25-15, 25-14 e 25-17), no outro jogo do grupo. As duas seleções, na luta pela primeira posição, terão o primeiro encontro no próximo domingo, às 16h30, em Kolasin.

“Montenegro é uma equipa totalmente diferente, com jogadores experientes e que atuam em diversos campeonatos europeus. Temos de saber enfrentar com calma uma equipa que está habituada a disputar competições deste género, que não dão margem para grandes erros”, afirmou João José, em declaração aos órgãos oficial da Federação Portuguesa de Voleibol.

João José, selecionador nacional de voleibol masculino. Foto: Federação Portuguesa de Voleibol

Na boa exibição diante da Islândia, Portugal teve alguns destaques individuais, como Lourenço Martins, com 17 pontos, e Alexandre Ferreira, com 16, sendo os melhores pontuadores da equipa. João José observou que, por ser início, a Seleção entrou no jogo nervosa e ainda tem bastante margem para melhorar.

“Foi o primeiro jogo e nós, como não fizemos jogos de preparação, entrámos algo nervosos. A Seleção tem algumas peças novas que precisam de se consolidar, o que traz alguma intranquilidade à equipa, o que se foi atenuando ao longo do jogo. O Alex está a jogar numa posição nova [oposto], a equipa está a habituar-se ao André [Marques] e ao Miguel [Sinfrónio] e isso requer algum tempo e, sobretudo, muito tempo de jogo”, destacou.

Ao todo, são sete grupos, cinco com quatro e dois com três equipas, respetivamente. Todos vencedores de grupos e os cinco segundos colocados com o melhor resultado participarão das finais. Na 3.ª jornada da Pool D, a Seleção Nacional volta a jogar na Póvoa de Varzim, desta vez diante da equipa de Luxemburgo, no dia 10 de agosto, às 21h00.

Recorde-se que, no ano passado, Portugal fez história ao qualificar-se para oitavos de final do Campeonato da Europa, competição que disputou pela segunda vez consecutiva, depois de dois anos antes ter estado presente no EuroVolley 2019.

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado.

Artigos que poderá gostar

Voleibol

A Federação Portuguesa de Voleibol vai realizar, esta quarta-feira, uma atividade de “Demonstração e Exibição de Voleibol”, em colaboração com a Associação de Voleibol...

Voleibol

Segundo desporto mais praticado do país (atrás apenas do futebol), o voleibol arranca 2023 repleto de metas e planos para o desenvolvimento da modalidade...

Voleibol

O voleibol feminino em Portugal tem vindo a demonstrar resultados inéditos e a crescer. No entanto, ainda há passos importantes a dar e um...

Voleibol

As Seleções Nacionais masculina e feminina conheceram esta terça-feira os adversários para as respetivas Ligas Europeias. Em sorteio realizado no Luxemburgo, sob a égide...

©2022 - SportMagazine - Revista de Treino Desportivo.
Todos os direitos reservados. Quântica Editora - conteúdos especializados, Lda. Praça da Corujeira, 30 4300-144 Porto, Portugal.
Website desenvolvido por Renato Sousa.