15 de Abril 2024 23:41
Segue-nos

O que procura?

SportMagazineSportMagazine
0

Atualidade

70 professores de Educação Física nos quadros da CM de Famalicão é um aspeto “ muito positivo” da candidatura a CED-2025 (Presidente do ACES Portugal)

Foto: Câmara Municipal de Famalicão

Nuno Santos, presidente da ACES Portugal, acredita que o facto de Famalicão ter nos quadros da autarquia cerca de 70 professores de Educação Física pode ser “decisivo” na escolha entre a cidade minhota e Matosinhos, as candidatas portuguesas a Cidade Europeia do Desporto em 2025.

“Em Portugal e nos restantes países europeus não existe um número tão elevado de professores nos quadros da câmara. E isso para nós é um ponto positivo, porque significa que a Câmara de Famalicão acredita nos projectos que tem e vimos isso nos dias em que estivemos em Famalicão. Têm muitos projectos, vários relacionados com a inclusão e pessoas com deficiência, e isso é muito positivo, porque o nosso lema é “desporto para todos”, destacou, na conferência de Imprensa que serviu para fazer o balanço da visita técnica realizada pelos comissários da Aces Europa (Federação Europeia de Capitais e Cidades Europeias do Desporto) a Famalicão.

“Ninguém vai perder. Famalicão e Matosinhos são duas candidaturas muito fortes. Irá decidir-se nos detalhes. Têm instalações desportivas, bons projetos, uma ligação forte entre os munícipes e os habitantes, boas piscinas e muito mais. Famalicão, como disseram os responsáveis da ACES Europa, está perfeito e nada existe a apontar a Famalicão de negativa”, destacou Nuno Santos.

A decisão final será conhecida ainda durante este mês e, nos próximos dias, a comitiva que, por estes dias, esteve em Famalicão, irá estar em Matosinhos, que também quer ser Cidade Europeia do Desporto em 2025.

Cordão humano “fechou” visita

A Câmara Municipal de Famalicão fez uma operação de charme nos dois dias e meio em que a delegação da Aces Europa esteve por terras famalicenses a avaliar a candidatura de Famalicão a Cidade Europeia do Desporto em 2025.

No último dia, Famalicão despediu-se dos elementos da comissão técnica com um cordão humano que ligou os Paços do Concelho aos veículos que levaram Lupatelli & Companhia até Matosinhos, cidade que concorre com Famalicão.

Uma “guarda de honra” que Famalicão espera que ajude a convencer a ACES Europa a escolher Famalicão como sucessor de Viseu (será Cidade Europeia do Desporto em 2024) em 2025.

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Edição Atual

Artigos que poderá gostar

Atualidade

Foi anunciado, esta segunda-feira, que a cidade de Famalicão falhou a eleição de Cidade Europeia do Desposto em 2025. Este mesmo titulo será entregue...

Atletismo

Dulce Félix (Benfica) e Carlos Costa (GD Guilhoval) foram os vencedores da prova principal (21 quilómetros) da 9.ª Meia Maratona de Famalicão, prova que...

Atualidade

A candidatura de Famalicão a Cidade Europeia do Desporto em 2025 recebeu rasgados elogios por parte do presidente da Aces Europa (Federação Europeia de...

Cidades Europeias do Desporto

Vila Nova de Famalicão pretende ser, em 2025, Cidade Europeia do Desporto. Famalicão Desafio 2025 – Candidata a Cidade Europeia do Desporto, este é...

©2022 - SportMagazine - Revista de Treino Desportivo.
Todos os direitos reservados. Quântica Editora - conteúdos especializados, Lda. Praça da Corujeira, 30 4300-144 Porto, Portugal.
Website desenvolvido por Renato Sousa.